• 20 de November de 2017
  • LANGUAGE:
    • English
    • Español
    • France
    • Chinese
ONDE IR? COMO IR? O QUE FAZER? COMECE A VIAJAR AQUI...

O QUE É NOTÍCIA

Com estilo em Paris: Grand Hotel du Palais Royal e Le Littré

Com estilo em Paris: Grand Hotel du Palais Royal e Le Littré

Por: Paulo Panayotis | São Paulo - Brasil Categoria: Hotel

Com estilo em Paris: Grand Hotel du Palais Royal e Le Littré

- Por favor, saberia me dizer onde fica o Hotel du Palais Royal? - Serve aquele do outro lado da rua?Foi assim que encontrei um dos mais prestigiados hotéis luxuosos cinco estrelas que fica bem ao lado do Louvre, no coração de Paris. Estava de carro, e por sorte cheguei em um sábado. Consegui, assim, fugir por um tempo daquele trânsito louco que toda grande tem. Imagine Paris...- Quer que guarde o carro do senhor, pergunta um gentil funcionário assim que estaciono. Menciono isso porque é sempre muito difícil estacionar em Paris. No centro, então, torna-se quase uma missão impossível.

Grand Hotel du Palis Royal:bem ao lado do Louvre.

O Grand Hôtel du Palais Royal foi eleito um dos Top 5 melhores hotéis de Paris pela badalada Condé Nast Traveler (http://www.cntraveler.com/hotels/paris/grand-hotel-du-palais-royal) . O anúncio foi feito na 29ª edição anual do Readers' Choice Awards, que representa excelência em turismo. Mais de 300 mil leitores votaram entre os melhores em mais de 1400 destinos do mundo. Foram 7.394 Hotéis, 606 cidades, 500 navios de cruzeiro e 236 ilhas.  E olha lá quem está em os tops...No coração de Paris, entre o Louvre e a Opéra, em frente ao jardim do Palais Royal, este hotel cinco estrelas é um “must stay”. O hotel fica perto de tudo: igreja da Madeleine,  Ruve de Rivoli, Place Vendôme, Place de la Concorde, Jardim de Tuilleries. 

Suite para os mais exigentes viajantes


A impactante entrada e a decoração assinada por Pierre-Yves Rochon revelam a personalidade deste hotel logo na chegada. Na recente reforma, o clássico e moderno se mesclaram com estilo. No total são 68 quartos e suítes que acomodam até o mais exigente viajante.  “É um lugar para conhecer”, afirma Dominic Ladet, principal executivo da DOM Consulting, que representa com exclusividade o hotel no Brasil. “Além da excelente localização, o hotel está instalado em é um magnifico edifício do século XVIII, parcialmente classificado como Monumento Histórico”, completa Ladet.Sem falar nos macarrons que me esperavam quando cheguei no meu quarto, no quarto andar. O café da manhã tem o charme parisiense. Tudo impecável.

Macarrons exclusivos e saborosos

Mas se você é um apaixonado pela “Rive Gauche“ e tem um estilo um pouco mais despojado, sem ser moderninho, seu lugar em Paris é no Hotel Le Littré. Conhecido e queridinho dos brasileiros há algum tempo, este ícone foi reformado e guarda muita história e segredos do passado. "Este prédio sempre foi um hotel desde a sua construção, em 1924, por isso os quartos são gigantes”, explica, durante o café da manhã no amplo salão, Nicolas Bahler, diretor geral e herdeiro.

Os maiores quartos que já vi em Paris – Hotel Le Littré

De fato, este é um dos hotéis mais procurados pelos brasileiros não somente pelos seus quartos enormes mas também pelo gentil e hospitaleiro atendimento que encontram. Eu fiquei hospedado neste prédio que tem muita história e posso garantir que os funcionários fazem de tudo para deixar o hóspede à vontade. Fábio Gasparri trabalha há muitos anos com hotelaria em Paris e me conta a história de ‘Pom Pom’, o simpático gatinho que elegeu Le Littré como seu lar.

Paulo Panayotis entre Fabio Gasparri(E) e Nicolas Bahler(d)

Segundo Gasparri, o gatinho chegou ao hotel nunca mais saiu. “Todos brincavam com ele. Parecia um bolinho de pêlos,” lembra ele. “ Por fim, acabou sendo adotado pelo hotel com o sugestivo nome de Pom Pom”!  Hoje ele não está mais lá. Mas acho que Pom Pom tinha razão, não dá mesmo vontade de sair do Le Littré. Fui conhecer o hotel durante minha estadia e saber alguns dos segredos do lugar. Este quatro estrelas com cara de cinco tem três quartos adaptados com acessibilidade total para pessoas com mobilidade reduzida, 35 quartos standard (20 m2), 23 quartos categoria superior (20/25 m2) e 21 de luxo (com impressionantes 30 a 35 m2).Completam o quadro sete suítes junior (40 a 60 M2) além cinco quartos com varandas privativas e vista para a torre Eiffel. “Nada como tomar uma bela taça de vinho no final da tarde observando o céu mudar de tonalidades e, ao fundo, ela, a Torre Eiffel”, arremata France Claque, diretora de marketing.  Verdade, France, comprovei isso pessoalmente numa fria tarde deste último outono em Paris.Entre 1962 e 1963 a propriedade, que foi comprada por Albert Schmitt,  avô de Albert , foi restaurada pela primeira vez, segundo me explicou Nicolas Bahler. Em 2015, ele foi novamente reformado com investimentos de cerca de três milhões de euros.No coração do bairro de Saint Germain de Près, a um passo de Montparnasse, esse charmoso prédio histórico ainda guarda histórias da segunda guerra mundial. Naquela época os soldados americanos que chegavam à Europa ficavam hospedados aqui e depois eram distribuídos para seus respectivos destinos.Quem lembra é Mme Bahler, a proprietária que conversou rapidamente comigo durante minha estadia. Ela costuma supervisionar pessoalmente tudo. E isso está visível nos detalhes. Bem, quando os próprios donos estão à frente do negócio, costumo dizer, pode ir sem susto. 

Fim de tarde, vinho e bom papo.
Merci e como eles mesmo dizem, “À très bientôt Paris”! Para mim estas são duas excelentes alternativas de hospedagem em Paris, uma cidade que se renova o tempo todo sem perder seu charme clássico. 

Serviço:
Grand Hôtel du Palais Royal -4 Rue de Valois 75001 Paris 

Hotel le Littré - 9 Rue Littré, 75006 Paris 

 O jornalista se hospedou a convite do Grand Hôtel du Palais Royal, representado no Brasil pela Dom Collection.  www.domcollection.com.br e no Le Littré a convite da CC Hotels, www.cchotels.com.br representante exclusiva do hotel no Brasil.

GALERIA DE IMAGENS

CLIQUE PARA AMPLIAR AS IMAGENS