• 25 de November de 2017
  • LANGUAGE:
    • English
    • Español
    • France
    • Chinese
ONDE IR? COMO IR? O QUE FAZER? COMECE A VIAJAR AQUI...

O QUE É NOTÍCIA

Courchevel? A maior e mais luxuosa estação de esqui do Mundo

Courchevel? A maior e mais luxuosa estação de esqui do Mundo

Categoria: Geral

Fotos : Paulo Panayotis / Adriana Reis

Courchevel, Les Trois Vallées, Alpes franceses
.
Minhas pernas bambeiam. Tudo branco ao meu redor! Dez graus negativos. Neva forte!  O vento no rosto não me deixa esquecer: é minha primeira aula de esqui! Estou na maior área esquiável do planeta. E também na mais chique!  Me sinto estranhamente infantil. Sabe aquela felicidade de criança? Pois é exatamente isso que mostra o rosto de um garoto que olha prá cima e tenta pegar a neve!

Mamãe, vou pegar a neve!!!

É a primeira aula dele, penso eu, portanto, não posso passar vergonha! Ou posso? Cair e levantar faz parte da vida. E aqui, em Courchevel, faz parte do dia a dia. Seja rico, famoso ou simplesmente um amante dos esportes na neve, todo mundo cai.. e segue em frente! Fiquei por alguns dias nesta estação de esqui, mais especificamente na 1850 e adorei.

Centrinho de Courchevel 1850


Cabe uma explicação: Courchevel refere-se a cinco vilarejos distintos, cada um a uma determinada altura na montanha. Courchevel 1100, Courchevel 1300 (Le Praz), Courchevel 1550, Courchevel 1650, (Moriond) e Courchevel 1850, onde fiquei hospedado. Os números se referem exatamente à altitude onde que ficam. O detalhe curioso é que, quanto mais altas, mais exclusivas. E caras!

Vista parcial do centro de Courchevel 1850

A escolha – e o bolso – são seus. Dica: Se estiver em família, fique na 1550. Mais em conta, o clima é bacana e descontraído. Quer esportes de ação de dia e balada durante a noite? Seu destino é Moriond, a 1650. Já se quer realizar seu sonho de glamour e sua conta bancária permitir, dispense o resto e vá direto para 1850! Garanto que jamais esquecerá!

Diversão a todo momento

No meio de muita neve, gente bonita, elegante e restaurantes de cair o queixo, Courchevel 1850 é um refúgio para quem quer esquiar com luxo e sofisticação e se hospedar em grande estilo. Sou esquiador de primeira viagem, mas algo que me impressionou em 1850 é que muitos hotéis tem saída direta para as pistas de ski( Ski in Ski out).

Ski in Ski out, pistas que saem diretamente dos hoteis

Outra dica: é fundamental saber qual é o seu nível de esqui. Raciocine comigo: do que adianta sair direto do hotel para a pista se você não dominar a técnica? Vai por mim meu amigo: pelo bem do seu esqueleto, seja humilde na decisão!

Novatos se divertem


Agora, se o seu barato é ver os outros esquiar e tiver “bala”, Courchevel 1850 “congelará” seus sentimentos e os aprisionará para todo o sempre em sua memória! E como foi minha primeira vez? Bem, brinquei um pouquinho na neve e preservei meu esqueleto! Até porque fiquei meio constrangido com tanta criança se divertindo a valer e – para meu espanto – quase sem cair!

Cair e levantar: parte da vida!

É de Croisette, quase no centro de Courchevel 1850, que partem todos os teleféricos que levam para todas as pistas.


É lá também que ficam praticamente todos os instrutores – caso você, como eu, seja um perna de pau – e precise de uma aulinhas...

Jornalista Adriana Reis após experiência na neve de Courchevl: feliz!


Sem equipamento? Relaxe. Todos os hotéis, em praticamente todos os níveis(1300,1550, 1650 e 1850, óbvio), alugam tudo. E os preços, claro, sobem proporcionalmente com a altura.

Minha dica de hospedagem é o hotel Annapurna, um cinco estrelas clássico e tradicional. O restaurante é fantástico e a vista ... meu amigo, a vista é perfeita.

Annapurna: do hotel direto para a pista

Nas próximas semanas você conhecerá não só o Annapurna como os melhores hoteis e restaurantes deste refugio que fica a 1850 metros de altura no coração dos Alpes franceses!

Delícias dos alpes e do mundo todo

Além disso, acompanhará comigo uma aventura nas motos de neve e descobrirá como um pequeno vilarejo se tornou a estação de esqui mais “bacanuda” do mundo.

Vista do centro de Courchevel de noite: da neve para a balada!

E em breve, tudo isso e muitas outras dicas de quando ir, como chegar,  você encontrará lá no portal www.oquevipelomundo.com.br . Ah sim, tudo funciona, apesar e por causa da neve, em qualquer nível(cidade) em que resolva ficar. Prova disso são as navettes,  onibus de luxo que ligam todas as cidades de graça!!!!

Jornalista Paulo Panayotis

Fotos crédito obrigatório: Paulo Panayotis/Adriana Reis

O jornalista Paulo Panayotis viajou a convite do Turismo de Courchevel representado no Brasil pela eComunica.

GALERIA DE IMAGENS

CLIQUE PARA AMPLIAR AS IMAGENS